Impacto do refrigerante na saúde bucal

Muitas pessoas ainda têm problema em entender o quanto é necessário ter cuidados diários relacionados com a saúde bucal

Infelizmente o número de doenças associadas aos dentes, língua e gengiva ainda possuem números bastante alarmantes no mundo todo, e isso passa necessariamente pela rotina de cada pessoa.

Quando falamos em cuidados com a saúde bucal, estamos discutindo desde as ações diárias que as pessoas devem realizar relacionadas a higienização, mas também com relação à alimentação, que impacta diretamente na formação e na manutenção dos dentes.

Nesse artigo falaremos de uma bebida que possui grande impacto na saúde bucal das pessoas, inclusive de quem utiliza aparelho transparente preço. Estamos falando dos refrigerantes, bebidas que são consumidas no mundo todo constantemente.

Resumo deste maravilhoso conteúdo

O que são refrigerantes?

Bom, você provavelmente já viu, consumiu ou observou alguém consumindo refrigerante, não é mesmo? 

Essa bebida está presente na sociedade há séculos, e a cada ano que passa novas empresas investem nesse ramo, gerando mais fórmulas e sabores para que as pessoas tenham opções variadas de tipos de refrigerantes.

O refrigerante surgiu ainda no século XVII, e possuía uma fórmula bastante simples: água, suco de limão e mel. Na época, uma das principais características do modelo de refrigerante atual, que é o estado de gaseificação, ainda não havia sido testado. 

Esses testes ocorreram no fim do século XVIII, quando cientista inglês passou a fazer experiências com a gaseificação de líquidos, fazendo com que o refrigerante ganhasse as famosas “bolhinhas”. 

Desde então diversas empresas passaram a investir nesse ramo, fabricando suas próprias fórmulas e colocando uma série de refrigerantes no mercado, com diferentes sabores. Conheça alguns dos mais comuns:

  • Laranja;
  • Limão;
  • Cola; 
  • Guaraná;
  • Uva.

Impacto dos refrigerantes nos dentes

Além dos sabores que mencionamos, os refrigerantes ainda possuem uma série de ingredientes variados, que mudam de acordo com cada empresa que fabrica essa bebida. 

Entretanto, de modo geral, o açúcar é um dos ingredientes que está presente em todos os refrigerantes, exceto nos refrigerantes diet e que são essencialmente sem açúcar.

Quem utiliza a faceta dentária sabe o impacto que o açúcar pode ter para os dentes, mas e você, sabe? 

Esse é um dos alimentos que mais está associado a doenças e problemas bucais, e o refrigerante é um alimento que possui altas cargas de açúcar em sua composição.

Mas por que os açúcares fazem mal para os dentes? Bom, isso ocorre porque a placa bacteriana, encontrada nos dentes e repleta de bactérias, acaba realizando a fermentação desse alimento. 

Com isso, o açúcar acaba produzindo uma série de substâncias ácidas, que podem causar a corrosão do esmalte dentário. 

Dessa maneira, o açúcar está associado a uma série de problemas bucais importantes, como a cárie, gengivite, periodontite, entre outras. 

Essa última, inclusive, é uma doença que pode gerar um enfraquecimento do osso do dente. Com isso, pode ser necessário que você procure extração de dente valor pois os dentes já estarão em uma situação quase que irreversível.

Outro ponto importante dessa discussão é que os refrigerantes podem manchar os dentes, principalmente aqueles que possuem forte coloração e altas doses de corante. Isso pode ocorrer tanto com os dentes de leite como com os dentes permanentes. 

É por isso que também não é recomendado o consumo dessa bebida em hipótese alguma para crianças, pois os dentes ainda não estão fortalecidos o suficientes e portanto mais suscetíveis a problemas relacionados a esse consumo. 

Caso uma criança pequena consuma com frequência os refrigerantes, é importante manter consultas constantes com o dentista infantil.

Dicas para evitar o consumo de refrigerante

Quem consome refrigerante com constância sabe as dificuldades para brecar esse consumo, substituindo essa bebida por outras. Isso ocorre porque o açúcar é uma substância viciante, assim como a cafeína, presente em certos tipos de refrigerantes.

Mas, sabendo dos impactos negativos que o refrigerante pode ter na sua saúde bucal, você vai começar a repensar essa situação e buscar soluções para diminuir esse consumo, não é mesmo?

Bom, existem algumas dicas que podem te ajudar a diminuir o consumo, ou então fazer com que os impactos não sejam tão significativos para a sua saúde bucal. 

Tentar substituir essa bebida por outras mais saudáveis, como água ou sucos naturais, por exemplo, é uma ideia interessante. 

Fazendo um suco diretamente da fruta você consegue uma bebida qualificada, que faz bem para a saúde e diminui consideravelmente os níveis de açúcar. 

Para diminuir os impactos do refrigerante na saúde dos dentes é fundamental realizar um bochecho com água após o consumo, escovar os dentes corretamente, utilização do fio dental e até mesmo enxaguantes bucais. 

Além disso, manter consultas regulares com o seu dentista ou especialista em implante dentário, caso seja a sua situação, é fundamental para verificar como os refrigerantes estão impactando nos seus dentes. 

Conteúdo originalmente desenvolvido pela equipe do blog Qualivida Online, site no qual é possível encontrar diversas informações e conteúdos sobre os cuidados com a saúde física e mental.

Nutricionista Gustavo Schneider

Nutricionista CRN2 8501 - Formado pela Universidade do Vale do Itajaí (Univali) e Especialista em Nutrição Esportiva pela Universidade Gama Filho (UGF). Entusiasta do uso de suplementação alimentar consciente e alimentação saudável

Separamos estes conteúdos especialmente para você

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Go up