Dicas para melhorar sua pressão arterial

A pressão arterial é um importante componente a ser mensurado regularmente no nosso organismo, com o intuito de evitar problemas futuros cardiovasculares. Assim, pode ser definida como a força do sangue empurrando as paredes das artérias. 

Cada vez que seu coração bate, ele bombeia sangue para as artérias. Sua pressão é mais alta quando o coração bate, bombeando o sangue. Isso é chamado de pressão sistólica. 

Por outro lado, quando seu coração está em repouso, entre as batidas, sua pressão arterial cai. Isso é chamado de pressão diastólica.

A leitura de sua pressão usa esses dois números. Normalmente, o número sistólico vem antes ou acima do número diastólico. Por exemplo, 120/80 significa uma sistólica de 120 e uma diastólica de 80, medida em milímetros de mercúrio (mmHg).

Se a pressão apresenta valores acima dos considerados normais, você pode ter um quadro de hipertensão, que pode gerar sérias consequências.

Resumo deste maravilhoso conteúdo

Riscos da hipertensão

A pressão alta pode levar a ataques cardíacos e derrames, duas das três principais causas de morte de pessoas no mundo. Você pode ter pressão alta sem apresentar nenhum sintoma - por isso é importante verificar a pressão arterial regularmente. 

A hipertensão pode oferecer riscos a qualquer tipo de procedimento cirúrgico. Sendo assim, se você está pesquisando sobre “reversão de vasectomia preço” é importante primeiro buscar um clínico geral e solicitar exames como o acompanhamento de pressão diário.

E mesmo que você saiba que tem uma leitura de pressão arterial normal hoje, você deve fazer tudo o que puder para mantê-la nessa faixa saudável. Por isso é importante pesquisar na internet sobre “aparelho de pressão preço” e adquirir um para medir diariamente.

Como a hipertensão é diagnosticada?

A hipertensão geralmente não apresenta sintomas. Portanto, a única maneira de saber se você a tem é fazendo exames regulares de pressão arterial com seu médico. 

Seu médico usará um medidor, um estetoscópio ou sensor eletrônico e um medidor de pressão arterial. Ele fará duas ou mais leituras em consultas separadas antes de fazer um diagnóstico.

A pressão sistólica inferior a 120 e a diastólica inferior a 80 significa pressão arterial normal. Por sua vez, a sistólica entre 120 e 139 e diastólica entre 80 e 89 significa pré-hipertensão.

E por fim, a pressão sistólica acima de 139 e a pressão diastólica acima de 89 podem significar pressão alta. Nesses casos, o médico pode considerar solicitar o uso de coletor de urina para solicitar exames de rim, que pode ser afetado pela pressão alta.

É importante saber que uma leitura anormal da pressão não significa hipertensão. Seu médico verificará sua leitura de pressão várias vezes em dias diferentes antes de decidir se você tem hipertensão.

Agora que você já sabe quais os riscos e como a hipertensão é diagnosticada, confira as dicas para manter sua pressão sempre normal.

1 - Tenha uma dieta saudável

Escolha opções de refeições e lanches saudáveis ​​para ajudá-lo a evitar a hipertensão e suas complicações. Certifique-se de comer muitas frutas e vegetais frescos.

Para muitas pessoas, fazer essas mudanças saudáveis ​​pode ajudar a manter a pressão arterial baixa e proteger contra doenças cardíacas e derrames. Procure um nutricionista e estabeleça uma dieta balanceada a fim de se manter sempre saudável.

Você pode pesquisar por “onde comprar alimentos sem glúten” e começar a reduzir a quantidade desse componente na sua alimentação, o que ajuda a evitar o sobrepeso e o desenvolvimento de diabetes.

2 - Modere no sal

A maioria das pessoas come muito sal sem perceber. A ingestão diária recomendada é de 2.300 mg, com limite ideal de menos de 1.500 mg por dia, principalmente para hipertensos.

Mesmo uma pequena redução de sódio em sua dieta pode ajudar a melhorar a saúde do seu coração e pode reduzir sua pressão arterial se você tiver hipertensão. Para diminuir o sódio em sua dieta, você deve:

  • Ler os rótulos dos alimentos para saber sobre a quantidade;
  • Comer menos alimentos processados;
  • Não adicionar muito sal na comida;
  • Usar sais de outro tipo, como o do Himalaia.

Desta forma, você estará contribuindo para manter sua pressão estável.

3 - Mantenha um peso saudável

O excesso de peso ou a obesidade aumentam o risco de hipertensão. Para determinar se seu peso está em uma faixa saudável, os médicos costumam calcular seu índice de massa corporal (IMC). 

Associe uma dieta regular a uma prática diária de exercícios físicos para ajudar a manter seu peso sempre dentro do ideal.

Uma boa dica é pesquisar sobre “kit academia ao ar livre preço”, adquirir os aparelhos e treinar em casa mesmo, evitando o desgaste de ir à academia.

4 - Seja fisicamente ativo

A atividade física pode ajudar a mantê-lo com um peso saudável e reduzir sua pressão arterial. É recomendado que os adultos façam pelo menos 2 horas e 30 minutos de exercícios de intensidade moderada, como caminhada rápida ou bicicleta, todas as semanas. 

Isso significa cerca de 30 minutos por dia, 5 dias por semana. Crianças e adolescentes devem fazer 1 hora de atividade física todos os dias.

Se fizer exercícios de alta intensidade, não esqueça do suplemento mineral e vitaminico a fim de evitar lesões sérias durante os exercícios.

5 - Encontre maneiras de reduzir seu estresse

Todos nós temos estresse em nossas vidas diárias que pode causar um aumento temporário da pressão arterial. Na maioria dos casos, uma vez resolvida a situação estressante, sua frequência cardíaca e pressão voltam ao normal.

No entanto, o estresse crônico pode colocá-lo em risco de uma variedade de problemas de saúde de longo prazo, incluindo hipertensão, doenças cardíacas e derrame. 

Algumas formas de reduzir e controlar o estresse são por meio da reformulação da mentalidade, evitando gatilhos e relaxando e desfrutando.

Reformule sua mentalidade

Concentre-se nas coisas que você pode controlar, em vez de se preocupar com situações que estão fora de seu controle. Muitas vezes, nossas ansiedades derivam do “e se” - situações que podem nunca ocorrer. 

Colocar esses pensamentos em perspectiva e se lembrar de estar presente pode ajudar a acalmar essas preocupações.

Evite gatilhos de estresse

Tente evitar se colocar em situações estressantes desnecessárias. Por exemplo, tente sair para o trabalho alguns minutos mais cedo para evitar o tráfego da hora do rush.

Tire um tempo para relaxar e desfrutar

Arranje tempo para coisas que lhe trazem alegria. Seja fazendo uma boa refeição, passando tempo com seus entes queridos ou ouvindo um podcast interessante em seu trajeto. Encontre tempo para incorporar pequenos momentos de diversão ao longo do dia.

Busque atividades relaxantes como meditação e acupuntura. Se você reside em Osasco, por exemplo, pode pesquisar por “clinica de acupuntura Osasco” e encontrar as mais próximas para promover seu relaxamento.

6 - Não fume

Fumar aumenta sua pressão arterial e aumenta o risco de ataque cardíaco e derrame. Se você não fuma, não comece. Se você fuma, parar de fumar diminuirá o risco de doenças cardíacas. Seu médico pode sugerir maneiras de ajudá-lo a parar.

7 - Limite a quantidade de álcool 

Não beba muito álcool, pois pode aumentar sua pressão. Os homens não devem beber mais do que 2 bebidas alcoólicas e as mulheres não mais do que 1 bebida alcoólica por dia. 

Associado a isso, beba bastante água. Você pode pesquisar na internet sobre “bebedouro de pressão preço” ou “filtro de água” e pensar em instalar um na sua casa para estimular o consumo.

8 - Durma o suficiente

Dormir o suficiente é importante para sua saúde geral, e dormir o suficiente faz parte da manutenção da saúde do coração e dos vasos sanguíneos. 

Não dormir o suficiente regularmente está relacionado a um risco maior de doenças cardíacas, pressão alta e derrame.

9 - Coma um pouco de chocolate amargo

O chocolate amargo, que contém entre 60 e 70 por cento de cacau, demonstrou ajudar a reduzir a pressão arterial. Pensa-se que os flavonóides encontrados no chocolate ajudam a dilatar os vasos sanguíneos, o que gera melhor fluxo.

10 - Obtenha mais potássio

Associado à redução de sódio, o aumento de potássio é muito benéfico. O potássio ajuda a reduzir o efeito do sal no corpo e protege os vasos sanguíneos. Busque ingerir alimentos ricos em potássio como:

  • Frutas (banana, melão, laranja, damasco, abacate e tomate);
  • Leite, iogurte e queijo cremoso;
  • Vegetais de folhas verdes, batata e batata doce;
  • Atum e salmão;
  • Feijões;
  • Nozes e sementes.

Contudo, se tiver doença renal ou propensão ao seu desenvolvimento, consulte o médico para adequar as porções.

Conclusão

A única maneira de saber se você tem pressão alta ou normal é fazer uma leitura da pressão por um profissional de saúde qualificado. A American Heart Association recomenda a leitura da pressão arterial pelo menos uma vez a cada dois anos. 

Se você fez uma leitura recente da pressão arterial e tem pressão arterial normal, não tome isso como certo. Lembre-se de que a hipertensão é um assassino comum e às vezes silencioso. 

Afaste-se do computador, desligue a televisão, torne-se ativo, coma frutas e vegetais e deixe de lado qualquer mau hábito.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Nutricionista Gustavo Schneider

Nutricionista CRN2 8501 - Formado pela Universidade do Vale do Itajaí (Univali) e Especialista em Nutrição Esportiva pela Universidade Gama Filho (UGF). Entusiasta do uso de suplementação alimentar consciente e alimentação saudável

Separamos estes conteúdos especialmente para você

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Go up