Quando o assunto é a prática de atividades físicas, a prevenção de lesões deve ser uma das maiores preocupações dos praticantes e, principalmente, dos atletas. Uma lesão profunda pode te afastar definitivamente dos exercícios, além de trazer problemas sérios para a sua saúde.

Por isso, é importante estar sempre atento a ações e exercícios preventivos, como o alongamento e o aquecimento que, alinhados a outras atividades e cuidados com o overtraining, são o suficiente para que você se exercite com ainda mais segurança.

Pensando nisso, listamos 8 dicas de ações preventivas para que você evite lesões causadas pela atividades físicas. Confira!

Faça o aquecimento adequado

Embora muitas pessoas confundam os dois conceitos, o aquecimento é diferente do alongamento. Entretanto, ambas as atividades são importantes para prevenir lesões e melhorar o desempenho dos atletas.

O aquecimento deve ser realizado antes da prática da atividade física, como uma forma de preparar o corpo para o estímulo que ele vai receber. O exercício não pode ser tão intenso a ponto de causar exaustão muscular no praticante, mas deve ser eficiente o suficiente para deixar o corpo pronto para a atividade seguinte.

Embora existam exercícios próprios de aquecimento, é cada vez mais comum que as pessoas se aqueçam já no primeiro exercício de suas séries. Independentemente do formato proposto e escolhido por você, é importante jamais deixar de realizá-lo, tendo consciência da importância dessa atividade.

Tenha atenção com o overtraining

Quando falamos em prevenção de lesões na prática de atividades físicas, é preciso estar muito atento ao overtraining. A expressão caracteriza um quadro onde o atleta excede na quantidade e intensidade dos exercícios, resultando em sérios problemas de saúde e emocionais.

Para se ter uma ideia da dimensão desse problema, o overtraining é um dos principais motivos que levam atletas a saírem de competições. Tudo porque o estresse causado nas articulações, tendões e músculos contribui significativamente para o surgimento de lesões.

Por isso, tenha sempre consciência dos limites do seu corpo, respeitando o tempo de descanso e recuperação dos grupos musculares trabalhados após o treinamento.

Intercale os exercícios

Ao criar uma rotina de treinos, intercale os exercícios mais e menos intensos. Exercícios leves e de curta duração, também conhecidos como descanso ativo, contribuem para uma recuperação mais rápida e eficaz do organismo do atleta após um treinamento.

Além disso, ao intercalar as modalidades de exercícios físicos, você trabalha diferentes grupos musculares do seu corpo, trazendo resultados ainda mais satisfatórios e visíveis no seu corpo.

Evite sobrecargas

Você sabia que grande parte das lesões que acontecem nas academias de musculação são causadas pelo excesso de carga utilizado? Em busca de resultados “milagrosos”, as pessoas abusam dos pesos e acabam por sobrecarregar os seus músculos e articulações, o que resulta inevitavelmente em lesões.

É preciso entender que, mais importante do que a carga, o estímulo que você faz ao executar um exercício é essencial. Por isso, a menos que você queira ser um levantador de pesos profissional, não há necessidade de exagerar.

Com estratégias eficientes e o acompanhamento de um profissional especializado é possível criar um treino focado nos estímulos adequados, manipulação correta e uma boa periodização. Assim, é possível ter resultados satisfatórios sem que, para isso, seja necessário se lesionar com o excesso de peso.

Observe a sua postura

Nossa postura diz respeito à forma com que os músculos e articulações estão alinhados. Por isso, esse é um item que merece total atenção na hora de praticar algum exercício físico. Caso haja algum desequilíbrio durante a execução, outras partes do seu corpo vão fazer a compensação dos movimentos. O que pode gerar sobrecargas que acarretem em lesões.

Sendo assim, recomenda-se que os atletas realizem uma avaliação postural com um fisioterapeuta antes de começar o treinamento, além de estarem sempre atentos ao posicionamento do corpo. É imprecindível contar com a supervisão de outros profissionais ao realizar qualquer atividade mais intensa.

Respeite os intervalos de descanso

Os intervalos de descanso existem por um motivo bem óbvio: são nesses momentos que o corpo se recupera dos estímulos realizados, gerando algum tipo de crescimento ou definição muscular. Por isso, eles devem ser sempre respeitados e realizados de maneira adequada.

Seja no intervalo entre as séries, exercícios ou dias de trabalhar cada grupo muscular, respeite o tempo e desenvolvimento do seu corpo para, assim, evitar lesões e conquistar resultados ainda melhores.

Tenha cuidado com o impacto

O impacto pode ser um grande inimigo dos atletas, nas mais variadas modalidades. Por isso, encontrar a melhor forma de absorvê-lo é um dos fatores mais importantes na prevenção de lesões. Mas, diferente do que a maioria das pessoas acredita, não basta um tênis com bons amortecedores para solucionar essa questão.

Pesquisas científicas mostram que é melhor forma de absorver o impacto em uma corrida, por exemplo, é por meio do controle do próprio corpo. Na prática, isso quer dizer que é preciso correr da forma mais suave possível, tendo consciência dos movimentos realizados.

Evolua gradativamente

Quando começamos uma atividade nova, é normal a expectativa por resultados imediatos. Entretanto, não é assim que as coisas acontecem na prática. E essa sede por evoluir rapidamente pode ser uma verdadeira vilã que pode ter como consequência o desenvolvimento de lesões.

Ao realizar aumentos bruscos de quilometragem, velocidade, cargas e intensidade de exercícios, você estará mais predisposto a se machucar. Por isso, realize a sua evolução de forma gradual e lenta, sempre respeitando os limites do seu corpo.

Agora que você já conhece as principais dicas para a prevenção de lesões, que tal adaptar algumas delas para a sua rotina de treinos? Com ações simples, é possível realizar as suas atividades de forma mais segura e eficiente, gerando resultados ainda melhores.

Mas, atenção! Em caso de lesões, dores ou qualquer desconforto sentido durante a prática de alguma atividade física, é essencial procurar o apoio de um médico ou profissional especializado no assunto, que dará todo o suporte necessário.

Quer saber mais sobre prevenção de lesões e atividades físicas? Assine a nossa newsletter e fique por dentro de todas as dicas e novidades exclusivas sobre o assunto!