Se você é um praticante ativo de exercícios, já deve ter ouvido falar sobre diversos segredos e elementos fundamentais para ter um bom resultado, não é mesmo? Mas, você sabe qual é o real papel da respiração na atividade física?

Embora muitas vezes seja deixado de lado, o controle da respiração é fundamental para alcançar bons rendimentos durante um treino. Isso porque a necessidade de ventilação durante a realização dos movimentos é maior do que quando estamos em repouso.

Quer saber mais sobre o assunto? Continue a leitura e descubra a importância de respirar corretamente durante a prática de atividades físicas.

Como o sistema respiratório funciona?

A respiração tem entre suas principais funções oxigenar as células e eliminar o gás carbônico. Por meio dela é possível oxigenar todo o corpo, nutrir as células e recarregar os níveis de energia.

O nariz filtra, umidifica e aquece o ar que entra pela cavidade nasal, preparando-o para a chegada aos pulmões. Além destes órgãos, também compõem o sistema respiratório a laringe, faringe, traqueia, brônquios e bronquíolos.

Respiração x atividades físicas

Como você pode ver até aqui, a respiração é fundamental para nos manter vivos. Entretanto, durante a prática de atividades físicas, o corpo precisa de uma ventilação extra, principalmente no caso de exercícios mais intensos. Então, é necessário conhecer e praticar uma respiração adequada.

A respiração influencia diretamente a qualidade do desenvolvimento de qualquer atividade. Ao fazer os movimentos de inspiração e expiração da forma correta, você reduz a tensão nos músculos respiratórios e promove uma sensação de relaxamento do corpo, o que ajuda a reduzir os níveis de estresse.

Embora muitas pessoas priorizem a respiração pela boca, o ideal é que ela seja feita simultaneamente com as vias aéreas. Combine inspirações pela boca e pelo nariz, seguindo as necessidades de seu corpo. Assim, você garante mais conforto para realizar esforços e, consequentemente, mais qualidade para seu treino.

Em exercícios como a musculação, o mais indicado é que a pessoa expire no momento do esforço e inspire no retorno, contraindo os músculos abdominais na hora certa e garantindo maior sustentação para o corpo. Caso não respire da maneira correta, a pessoa pode sentir dores, desconforto e até mesmo desperdiçar o exercício.

Como observar e corrigir a respiração durante as atividades?

Ao não receber a demanda necessária de ventilação durante um exercício, o corpo pode entrar em colapso, levando até mesmo a inconsciência do praticante. Por isso, você deve estar atento a alguns sinais para evitar qualquer tipo de problema proveniente de sua respiração.

Os principais sintomas da falta de oxigenação no organismo são: cabeça latejante (causada pelo aumento da pressão arterial), dor na região abdominal e náuseas. Em casos mais extremos, a pessoa pode sentir um desconforto maior que precede um desmaio.

A respiração correta começa pelo abdômen, segue pela região das costelas e se encerra no tórax. Observe se esse é o movimento feito pelo seu corpo e, caso não seja, treine a respiração abdominal até que ela se torne involuntária e automática.

Essa é a melhor forma de evitar aquelas dores desconfortáveis na lateral das costelas e ter um desempenho ainda melhor na execução de suas atividades físicas.

Como você pode notar, a respiração na atividade física é fundamental para alcançar bons resultados e manter o funcionamento adequado de seu corpo. Quer receber outras dicas sobre o assunto? Saiba qual é a importância da hidratação na atividade física.